quarta-feira, 1 de agosto de 2012

Que agosto venha satisfazer nossos gostos...


“Luar de Janeiro não tem parceiro; mas lá vem o de Agosto que lhe dá no rosto.”
 
“Em Agosto, palhas ao palheiro, meninas ao candeeiro.”
 
“Quem em Março come sardinha, em Agosto lhe pica a espinha.”
 
“Nem em Agosto caminhar, nem em Dezembro marear.”
 
“Em Agosto sê cuidadoso e não largues o preguiçoso.”
 
“Sê em Agosto cuidadoso e aguilhoa o preguiçoso.”
 
“Quando chove em Agosto, não metas teu dinheiro em mosto.”
 
“Terra lavrada em Agosto, à estercada dá o rosto.”
 
“Primeiro de Agosto, primeiro de Inverno.”
 
“Quem em Agosto ara, riquezas prepara.”
 
“Em Agosto, toda a fruta tem seu gosto.”